Webmail CUT

Acesse seu Webmail CUT


Login CUT

Acesse a CUT

Esqueceu a senha?

Sinsemba e Diálogos Urbanos promovem Curso de Formação Política para Mulheres

Em parceria com a Unilab, o Sindicato dos Municipais de Barreira e Acarape (CE) realizará o curso neste sábado (1º), na sede da entidade

Escrito por: Divulgação • Publicado em: 27/06/2017 - 14:48 • Última modificação: 27/06/2017 - 14:59 Escrito por: Divulgação Publicado em: 27/06/2017 - 14:48 Última modificação: 27/06/2017 - 14:59

. .

O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Barreira e Acarape (Sinsemba) e a Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab), por meio do Projeto de Extensão Diálogos Urbanos, promoverão o Curso de Formação “Fortalecimento Político das Mulheres para Garantir e Ampliar os Direitos, Promover a Igualdade no Mundo do Trabalho e Autonomia Econômica". Participarão do curso dirigentes sindicais e mulheres filiadas ao Sinsemba, de variadas categorias, comunidades e locais de trabalho.

O Sinsemba historicamente fortaleceu a luta das mulheres e proporcionou ações para seu empoderamento nos espaços de trabalho e de vida. O Curso promoverá uma formação política visando aprofundar temas relacionados à vida das mulheres e criar condições para qualificar sua participação nos espaços em que atuam.

O Curso, certificado pela UNILAB, terá carga horária total de 50 horas, composto por quatro módulos, quatro intermódulos e um Seminário. Os módulos abrangem os temas A desigualdade entre homens e mulheres como construção social; Formas e expressões das relações sociais de sexo/gênero na sociedade; Situação das mulheres nos espaços em que atuam, empoderamento e participação nos espaços de poder; e Políticas publicas para as mulheres, enfrentamento à violência doméstica.

Como formadoras, o curso contará com a participação de Maria das Graças Costa, secretária de Relações do Trabalho da CUT Nacional; Marilane Oliveira Teixeira, assessora sindical e pesquisadora da UNICAMP; Maria Ozaneide, secretária da Mulher Trabalhadora da Confetam/CUT; Rena Gomes, delegada titular da Delegacia de Defesa das Mulheres de Fortaleza; e Valéria Mendonça, coordenadora do Outubro Rosa no Ceará. O curso também contará com a participação de seis estagiárias, alunas da UNILAB, que mediarão as ações coletivas nos módulos e intermódulos.

Os intermódulos serão desenvolvidos pelas cursistas, com a mediação das estagiárias, em suas comunidades e locais de trabalho, por meio de Rodas de Conversa. Eles ocorrerão no Centro de Barreira, Córrego, Cajueiro, Lagoa Grande e Lagoa do Barro, contemplando as comunidades adjacentes. Ao final do curso, ocorrerá um Seminário Municipal de apresentação das experiências vivenciadas, assim como um evento público na UNILAB para entrega dos certificados.

O curso agrega a metodologia da pesquisa-ação, cuja premissa é investigar e agir, simultaneamente, investigando, analisando e propondo ações concretas diante de uma dada situação social, visando a ampliação de direitos, a igualdade e a autonomia.

Nesse sentido, buscará construir coletivamente uma agenda com dez ações que possam orientar processos educativos, mobilizar agentes sociais e pautar demandas e propostas concretas para órgãos e agentes públicos, com quatro eixos:

1 - revelar, discutir e enfrentar desigualdades sociais de gênero;

2 - fortalecer a participação de mulheres em espaços decisórios e de poder;

3 - propor ações que visem o enfrentamento de violências contra as mulheres;

4 - subsidiar discussões que promovam o empoderamento de mulheres

As oficinas serão relatadas, sistematizando as discussões coletivas e as propostas sobre os temas e questões abordadas.

O curso, que terá início no dia 1º de julho de 2017, tem como coordenadoras a presidente do Sinsemba, Aparecida Castro, a secretária de Formação da entidade e formadora nacional, Carmem Silvia, e a professora Janaina Lobo, do Curso de Sociologia da UNILAB.

Título: Sinsemba e Diálogos Urbanos promovem Curso de Formação Política para Mulheres, Conteúdo: O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Barreira e Acarape (Sinsemba) e a Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab), por meio do Projeto de Extensão Diálogos Urbanos, promoverão o Curso de Formação “Fortalecimento Político das Mulheres para Garantir e Ampliar os Direitos, Promover a Igualdade no Mundo do Trabalho e Autonomia Econômica. Participarão do curso dirigentes sindicais e mulheres filiadas ao Sinsemba, de variadas categorias, comunidades e locais de trabalho. O Sinsemba historicamente fortaleceu a luta das mulheres e proporcionou ações para seu empoderamento nos espaços de trabalho e de vida. O Curso promoverá uma formação política visando aprofundar temas relacionados à vida das mulheres e criar condições para qualificar sua participação nos espaços em que atuam. O Curso, certificado pela UNILAB, terá carga horária total de 50 horas, composto por quatro módulos, quatro intermódulos e um Seminário. Os módulos abrangem os temas A desigualdade entre homens e mulheres como construção social; Formas e expressões das relações sociais de sexo/gênero na sociedade; Situação das mulheres nos espaços em que atuam, empoderamento e participação nos espaços de poder; e Políticas publicas para as mulheres, enfrentamento à violência doméstica. Como formadoras, o curso contará com a participação de Maria das Graças Costa, secretária de Relações do Trabalho da CUT Nacional; Marilane Oliveira Teixeira, assessora sindical e pesquisadora da UNICAMP; Maria Ozaneide, secretária da Mulher Trabalhadora da Confetam/CUT; Rena Gomes, delegada titular da Delegacia de Defesa das Mulheres de Fortaleza; e Valéria Mendonça, coordenadora do Outubro Rosa no Ceará. O curso também contará com a participação de seis estagiárias, alunas da UNILAB, que mediarão as ações coletivas nos módulos e intermódulos. Os intermódulos serão desenvolvidos pelas cursistas, com a mediação das estagiárias, em suas comunidades e locais de trabalho, por meio de Rodas de Conversa. Eles ocorrerão no Centro de Barreira, Córrego, Cajueiro, Lagoa Grande e Lagoa do Barro, contemplando as comunidades adjacentes. Ao final do curso, ocorrerá um Seminário Municipal de apresentação das experiências vivenciadas, assim como um evento público na UNILAB para entrega dos certificados. O curso agrega a metodologia da pesquisa-ação, cuja premissa é investigar e agir, simultaneamente, investigando, analisando e propondo ações concretas diante de uma dada situação social, visando a ampliação de direitos, a igualdade e a autonomia. Nesse sentido, buscará construir coletivamente uma agenda com dez ações que possam orientar processos educativos, mobilizar agentes sociais e pautar demandas e propostas concretas para órgãos e agentes públicos, com quatro eixos: 1 - revelar, discutir e enfrentar desigualdades sociais de gênero; 2 - fortalecer a participação de mulheres em espaços decisórios e de poder; 3 - propor ações que visem o enfrentamento de violências contra as mulheres; 4 - subsidiar discussões que promovam o empoderamento de mulheres As oficinas serão relatadas, sistematizando as discussões coletivas e as propostas sobre os temas e questões abordadas. O curso, que terá início no dia 1º de julho de 2017, tem como coordenadoras a presidente do Sinsemba, Aparecida Castro, a secretária de Formação da entidade e formadora nacional, Carmem Silvia, e a professora Janaina Lobo, do Curso de Sociologia da UNILAB.



Informativo CONFETAM

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.