Webmail CUT

Acesse seu Webmail CUT


Login CUT

Acesse a CUT

Esqueceu a senha?

Sindsep mobiliza municipais de São Paulo para paralisação geral dia 19

Categoria reivindica reestruturação das carreiras de AGPP, Agentes de Apoio e AST.

Escrito por: Déborah Lima • Publicado em: 11/09/2019 - 15:33 • Última modificação: 11/09/2019 - 15:42 Escrito por: Déborah Lima Publicado em: 11/09/2019 - 15:33 Última modificação: 11/09/2019 - 15:42

Pedro Cânfora Paralisações relâmpago mobilizam locais de trabalho para ato do dia 19

O sindicato dos Servidores Públicos Municipais de São Paulo (Sindsep/SP) está construindo uma grande paralisação para o dia 19 de setembro em defesa da valorização e da restruturação das carreiras de Assistente de Gestão de Políticas Públicas (AGPP), Agentes de Apoio e trabalhadores dos setores Administrativos da Prefeitura.

Dirigentes do Sindsep estão realizando mobilizações preparatórias para a paralisação geral. Nesta terça-feira (10), eles organizaram uma paralisação relâmpago dos trabalhadores do Hospital do Campo Limpo e da Autarquia Hospitalar Municipal.

Paralisações surpresa nos locais de trabalho

Até o dia 19, serão realizadas novas paralisações surpresa nos locais de trabalho. O objetivo é forçar a Administração Bruno Covas (PSDB) a negociar com os representantes dos servidores públicos do município.

Para o dia da paralisação geral, estão previstos uma Assembleia Geral e um Ato Público, marcados para às 14h, em frente à sede da Prefeitura de São Paulo. Eles reivindicam a reestruturação das carreiras do Nível Básico (Agentes de Apoio) e Nível Médio (AGPP e AST).  

Título: Sindsep mobiliza municipais de São Paulo para paralisação geral dia 19, Conteúdo: O sindicato dos Servidores Públicos Municipais de São Paulo (Sindsep/SP) está construindo uma grande paralisação para o dia 19 de setembro em defesa da valorização e da restruturação das carreiras de Assistente de Gestão de Políticas Públicas (AGPP), Agentes de Apoio e trabalhadores dos setores Administrativos da Prefeitura. Dirigentes do Sindsep estão realizando mobilizações preparatórias para a paralisação geral. Nesta terça-feira (10), eles organizaram uma paralisação relâmpago dos trabalhadores do Hospital do Campo Limpo e da Autarquia Hospitalar Municipal. Paralisações surpresa nos locais de trabalho Até o dia 19, serão realizadas novas paralisações surpresa nos locais de trabalho. O objetivo é forçar a Administração Bruno Covas (PSDB) a negociar com os representantes dos servidores públicos do município. Para o dia da paralisação geral, estão previstos uma Assembleia Geral e um Ato Público, marcados para às 14h, em frente à sede da Prefeitura de São Paulo. Eles reivindicam a reestruturação das carreiras do Nível Básico (Agentes de Apoio) e Nível Médio (AGPP e AST).  



Informativo CONFETAM

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.