Webmail CUT

Acesse seu Webmail CUT


Login CUT

Acesse a CUT

Esqueceu a senha?

Observatório RH-UFRN lança livro sobre negociação do trabalho no SUS

Confetam colaborou com a redação do capítulo sobre a mesa de negociação do SUS

Escrito por: Rede ObservaRH • Publicado em: 18/10/2017 - 12:36 • Última modificação: 18/10/2017 - 13:01 Escrito por: Rede ObservaRH Publicado em: 18/10/2017 - 12:36 Última modificação: 18/10/2017 - 13:01

. .

“Negociação do Trabalho no Sistema Único de Saúde” é o título e o tema do novo livro (versão digital) organizado pela professora Janete Lima de Castro, coordenadora do Observatório RH-UFRN, doutora em Educação, professora do Departamento de Saúde Coletiva da Universidade Federal do Rio Grande do Norte; e por Rafael Rodolfo Tomaz de Lima, Especialista em Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde, pesquisador do Observatório de Recursos Humanos em Saúde da Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Resultado do projeto Apoio à Estruturação da Rede de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde, desenvolvido em parceria com o Ministério da Saúde, é editado pela Una, publicação pelo selo Seminare voltado às publicações científicas, a  versão digital do livro e pode ser acessado no site do Observatório RH UFRN:  www.observatoriorh.ufrn.br. O acesso também pode ser feito diretamente na página do livro:

http://www.observatoriorh.ufrn.br/uploads/c59223276a8f6709d256559a9cfed43f.pdf

A apresentação é da organizadora, professora Janete Castro, e o prefácio do professor Maurício Roberto Campelo de Macedo, professor titular de Saúde Coletiva da UFRN e doutor em Saúde Pública. Secretária de Saúde da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal (Confetam/CUT), Irene Rodrigues colaborou com a redação do capítulo sobre a experiência da mesa de negociação do Sistema Único de Saúde (SUS). 

Segundo a professora Janete Castro, na apresentação, o livro “trata de um dos temas mais espinhosos da Gestão do Trabalho em Saúde: a gestão de conflitos nos serviços que constituem o Sistema Único de Saúde. Tema árduo, sem dúvida, considerando que ele envolve questões de poder, compreendendo este como um exercício nas instituições e como uma estratégia que está em todas as relações”.

O professor Maurício Campelo, no prefácio, aponta para a importância do livro que, segundo ele, chega em momento oportuno: “Este livro surge num momento singular, com retrocessos civilizatórios que clamam por diálogo, negociação, projetos coletivos”. E ainda: “Quando observamos o mundo do trabalho, particularmente no setor saúde, nos vemos diante de um conjunto de interesses contraditórios, mas nem sempre antagônicos; de conflitos que podem ser superados, mediante uma cultura dialógica de busca de consensos”.

O livro compreende uma reunião de oito trabalhos diversos de professores e pesquisadores sobre os temas da negociação do trabalho na saúde em debate, resultado de pesquisas científicas sobre o tema da negociação do trabalho, são eles:  a negociação coletiva no âmbito do Sistema Único de Saúde; o diálogo social como estratégia de política pública na saúde; reflexões sobre o Sistema Nacional de Negociação Permanente; negociação coletiva e democratização das relações de trabalho; os desafios, disputas e negociações da Mesa Nacional e a mesa de Goiânia; e  a produção científica acerca da negociação coletiva do trabalho em saúde no Brasil.

Título: Observatório RH-UFRN lança livro sobre negociação do trabalho no SUS, Conteúdo: “Negociação do Trabalho no Sistema Único de Saúde” é o título e o tema do novo livro (versão digital) organizado pela professora Janete Lima de Castro, coordenadora do Observatório RH-UFRN, doutora em Educação, professora do Departamento de Saúde Coletiva da Universidade Federal do Rio Grande do Norte; e por Rafael Rodolfo Tomaz de Lima, Especialista em Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde, pesquisador do Observatório de Recursos Humanos em Saúde da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Resultado do projeto Apoio à Estruturação da Rede de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde, desenvolvido em parceria com o Ministério da Saúde, é editado pela Una, publicação pelo selo Seminare voltado às publicações científicas, a  versão digital do livro e pode ser acessado no site do Observatório RH UFRN:  www.observatoriorh.ufrn.br. O acesso também pode ser feito diretamente na página do livro: http://www.observatoriorh.ufrn.br/uploads/c59223276a8f6709d256559a9cfed43f.pdf A apresentação é da organizadora, professora Janete Castro, e o prefácio do professor Maurício Roberto Campelo de Macedo, professor titular de Saúde Coletiva da UFRN e doutor em Saúde Pública. Secretária de Saúde da Confederação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal (Confetam/CUT), Irene Rodrigues colaborou com a redação do capítulo sobre a experiência da mesa de negociação do Sistema Único de Saúde (SUS).  Segundo a professora Janete Castro, na apresentação, o livro “trata de um dos temas mais espinhosos da Gestão do Trabalho em Saúde: a gestão de conflitos nos serviços que constituem o Sistema Único de Saúde. Tema árduo, sem dúvida, considerando que ele envolve questões de poder, compreendendo este como um exercício nas instituições e como uma estratégia que está em todas as relações”. O professor Maurício Campelo, no prefácio, aponta para a importância do livro que, segundo ele, chega em momento oportuno: “Este livro surge num momento singular, com retrocessos civilizatórios que clamam por diálogo, negociação, projetos coletivos”. E ainda: “Quando observamos o mundo do trabalho, particularmente no setor saúde, nos vemos diante de um conjunto de interesses contraditórios, mas nem sempre antagônicos; de conflitos que podem ser superados, mediante uma cultura dialógica de busca de consensos”. O livro compreende uma reunião de oito trabalhos diversos de professores e pesquisadores sobre os temas da negociação do trabalho na saúde em debate, resultado de pesquisas científicas sobre o tema da negociação do trabalho, são eles:  a negociação coletiva no âmbito do Sistema Único de Saúde; o diálogo social como estratégia de política pública na saúde; reflexões sobre o Sistema Nacional de Negociação Permanente; negociação coletiva e democratização das relações de trabalho; os desafios, disputas e negociações da Mesa Nacional e a mesa de Goiânia; e  a produção científica acerca da negociação coletiva do trabalho em saúde no Brasil.



Informativo CONFETAM

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.