Webmail CUT

Acesse seu Webmail CUT


Login CUT

Acesse a CUT

Esqueceu a senha?

Municipais fortalecerão assembleia popular sobre direito à água

Atividade ocorre no sábado, 30 de setembro, na sede do Sindicato dos Bancários de SP

Escrito por: Rafael Silva - CUT São Paulo • Publicado em: 28/09/2017 - 16:47 • Última modificação: 29/09/2017 - 14:35 Escrito por: Rafael Silva - CUT São Paulo Publicado em: 28/09/2017 - 16:47 Última modificação: 29/09/2017 - 14:35

Divulgação .

No próximo sábado (30), o Coletivo de Luta pela Água realiza uma assembleia popular para discutir o modelo de gestão da água. O evento será realizado no Salão Azul do Sindicato dos Bancários de São Paulo, que fica na Rua São Bento, 413, no Centro da cidade, partir das 10 horas.

A proposta do encontro é fazer um mapeamento dos diferentes conflitos que envolvam a água e as garantias para seu acesso, considerado direito fundamental. No estado de São Paulo, por exemplo, o governo adota um modelo que visa o lucro, tendo, inclusive, a Companhia de Saneamento Básico do Estado (Sabesp) ações negociadas nas bolsas de valores de São Paulo e Nova Iorque.

Secretária de Meio Ambiente da CUT-SP e secretária de Formação do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais do Estado (Sindsep), Solange Ribeiro diz que um dos desdobramentos do Seminário Água no Estado de São Paulo: Direito ou Mercadoria?, realizado em agosto, foi a união de esforços com diversos movimentos, entidades e coletivos para a realização dessa assembleia.

“A ideia é fazer um mapa dos diversos desafios relacionados a água, saber quem são as pessoas e grupos envolvidos nestes conflitos para, a partir desse quadro, encaminharmos lutas concretas para enfrentarmos essas situações”. A CUT-SP, o Sindsep e a Federação dos Trabalhadores na Administração e do Serviço Público Municipal no Estado (FETAM/SP) integram o Coletivo de Luta pela Água.

Na assembleia, os participantes também irão lançar o Comitê Local do Fórum Alternativo Mundial da Água (Fama), criado para se contrapor ao Fórum Mundial da Água, conhecido como “Fórum das Corporações”, que será realizado em 2018.

Serviço:

Assembleia Estadual Popular da Água

Dia 30 de setembro

Local: Rua São Bento, 413, Centro de São Paulo

Horário: Das 10 às 17 horas

Título: Municipais fortalecerão assembleia popular sobre direito à água, Conteúdo: No próximo sábado (30), o Coletivo de Luta pela Água realiza uma assembleia popular para discutir o modelo de gestão da água. O evento será realizado no Salão Azul do Sindicato dos Bancários de São Paulo, que fica na Rua São Bento, 413, no Centro da cidade, partir das 10 horas. A proposta do encontro é fazer um mapeamento dos diferentes conflitos que envolvam a água e as garantias para seu acesso, considerado direito fundamental. No estado de São Paulo, por exemplo, o governo adota um modelo que visa o lucro, tendo, inclusive, a Companhia de Saneamento Básico do Estado (Sabesp) ações negociadas nas bolsas de valores de São Paulo e Nova Iorque. Secretária de Meio Ambiente da CUT-SP e secretária de Formação do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais do Estado (Sindsep), Solange Ribeiro diz que um dos desdobramentos do Seminário Água no Estado de São Paulo: Direito ou Mercadoria?, realizado em agosto, foi a união de esforços com diversos movimentos, entidades e coletivos para a realização dessa assembleia. “A ideia é fazer um mapa dos diversos desafios relacionados a água, saber quem são as pessoas e grupos envolvidos nestes conflitos para, a partir desse quadro, encaminharmos lutas concretas para enfrentarmos essas situações”. A CUT-SP, o Sindsep e a Federação dos Trabalhadores na Administração e do Serviço Público Municipal no Estado (FETAM/SP) integram o Coletivo de Luta pela Água. Na assembleia, os participantes também irão lançar o Comitê Local do Fórum Alternativo Mundial da Água (Fama), criado para se contrapor ao Fórum Mundial da Água, conhecido como “Fórum das Corporações”, que será realizado em 2018. Serviço: Assembleia Estadual Popular da Água Dia 30 de setembro Local: Rua São Bento, 413, Centro de São Paulo Horário: Das 10 às 17 horas



Informativo CONFETAM

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.