Webmail CUT

Acesse seu Webmail CUT


Login CUT

Acesse a CUT

Esqueceu a senha?

Contaminações e outros quatro fatos que certamente serão comuns na reabertura precipitada das escolas

Médicos, professores e outros especialistas alertam sobre o perigo de voltar às aulas em plena pandemia de Covid-19

Escrito por: Dever de Classe • Publicado em: 12/08/2020 - 14:01 • Última modificação: 12/08/2020 - 14:05 Escrito por: Dever de Classe Publicado em: 12/08/2020 - 14:01 Última modificação: 12/08/2020 - 14:05

Reprodução da Internet

Conheça os cinco fatos que certamente ocorrerão caso as escolas reabram antes que a pandemia de coronavírus esteja totalmente sob controle. Questões foram organizadas de forma sintética a partir da opinião de médicos, professores e outros especialistas.

Os cinco fatos, expostos do menos grave para o mais perigoso:

01. Crianças e adolescentes não seguirão à risca os protocolos de segurança, tal como se percebe na imagem que ilustra esta matéria. Quem conhece ou lembra do que é na prática uma sala de aula sabe do que estamos falando.

02. Professores, funcionários de escolas e os alunos mais velhos e conscientes ficarão sob intenso estado de tensão e medo, o que dificultará o ensino-aprendizagem.

03. Diante desse novo estresse, profissionais do magistério que já têm enfermidades adquiridas ou agravadas pela profissão terão a saúde mais prejudicada ainda.

04. Prefeitos, governadores e donos de escolas particulares — embora prometam que sim — não disponibilizarão as condições materiais necessárias para que as aulas voltem de forma segura.

05. Devido à aglomeração natural que voltará nas escolas, centenas e até milhares poderão se contaminar e morrer, principalmente os professores e funcionários dos estabelecimentos de ensino.

 

 
Título: Contaminações e outros quatro fatos que certamente serão comuns na reabertura precipitada das escolas, Conteúdo: Conheça os cinco fatos que certamente ocorrerão caso as escolas reabram antes que a pandemia de coronavírus esteja totalmente sob controle. Questões foram organizadas de forma sintética a partir da opinião de médicos, professores e outros especialistas. Os cinco fatos, expostos do menos grave para o mais perigoso: 01. Crianças e adolescentes não seguirão à risca os protocolos de segurança, tal como se percebe na imagem que ilustra esta matéria. Quem conhece ou lembra do que é na prática uma sala de aula sabe do que estamos falando. 02. Professores, funcionários de escolas e os alunos mais velhos e conscientes ficarão sob intenso estado de tensão e medo, o que dificultará o ensino-aprendizagem. 03. Diante desse novo estresse, profissionais do magistério que já têm enfermidades adquiridas ou agravadas pela profissão terão a saúde mais prejudicada ainda. 04. Prefeitos, governadores e donos de escolas particulares — embora prometam que sim — não disponibilizarão as condições materiais necessárias para que as aulas voltem de forma segura. 05. Devido à aglomeração natural que voltará nas escolas, centenas e até milhares poderão se contaminar e morrer, principalmente os professores e funcionários dos estabelecimentos de ensino.    



Informativo CONFETAM

Cadastre-se e receba periodicamente
nossos boletins informativos.