Prefeita de Areia Branca se nega a dialogar com servidores municipais

06/10/2020 - 13:42

Diálogo com os trabalhadores da prefeitura está suspenso há três anos.

Há três anos, a prefeita de Areia Branca, Iraneide Rebouças, vem se negando a discutir com o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Areia Branca (Sinspumab) a pauta do funcionalismo da cidade. Nas últimas tentativas, do final de agosto e setembro, a entidade tenta, sem sucesso, agendar a audiência, solicitações estas documentadas em ofícios.

Com isso, a gestora ignora toda uma categoria que legitimamente, por meio de Assembleia Geral Ordinária realizada no dia 24 de agosto passado, na modalidade virtual, definiu, mais uma vez, pela solicitação de audiência urgente da Prefeitura com uma comissão representativa com participação da presidência do Sinspumab e outros cinco membros.

O dirigente sindical, José Nairton de Freitas Rebouças, ressalta que desde 2017 a chefe do Executivo Municipal não tem interesse de receber o sindicato. “A gente manda oficio, mas ela nunca agenda. A situação do servidor areia-branquense é de total descaso por parte da prefeitura. A gente sabe que vai se tornar impossível reajustes agora devido às eleições, mas as pessoas precisam saber o que se passa em Areia Branca. Me sinto frustrado de não poder fazer nada porque a prefeita não nos recebe”, diz.

Segundo informa, a pauta envolve várias categorias do funcionalismo público do município sem reajustes salariais. “No caso dos professores, não está sendo repassado o reajuste salarial há dois anos, já aos enfermeiros e técnicos de enfermagem não pagaram o adicional do enfrentamento do coronavirus como era previsto. Tem ainda os técnicos de contabilidade e muitos outros em mesma situação, sem qualquer diálogo”, lamenta.